Gil Cutrim defende um amplo debate sobre o futuro dos Correios22

  • 21 de abril de 2021
  • 0

O relator  do Projeto de Lei 591/21 que dispõe sobre a organização e a manutenção do Sistema Nacional de Serviços Postais. O deputado Gil Cutrim (Republicanos -MA) defende um amplo e pleno debate sobre o futuro da estatal. Para o deputado, é preciso uma força tarefa de todos para garantir um atendimento postal eficiente com universalização dos serviços a todos os brasileiros. 

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (20), o requerimento de urgência 768/21 que trata do PL 591/21 que dispõe sobre a organização e a manutenção do Sistema Nacional de Serviços Postais. O debate do projeto seguirá em plenário e ainda não há previsão para a votação do mérito.

O deputado federal Gil Cutrim (Republicanos/MA), relator da matéria destacou que irá propor o fortalecimento da instituição, torná-la eficiente e sem interferências políticas. “É preciso oferecer segurança jurídica ao nosso sistema postal, valorizar o seu legado e garantir o mínimo de estabilidade possível para os empregados. As mudanças previstas vão prevenir preços abusivos, modernizar a companhia, aumentar a capacidade de investimento e aperfeiçoar os processos por meio da tecnologia", disse.

O parlamentar, destacou que por se tratar de uma instituição fundamental para muitos brasileiros, o tema requer um debate para que possamos encontrar o melhor caminho que dê capilaridade para Instituição. “ Os Correios estão presentes em todos 5.570 municípios brasileiros, e entrega serviços essenciais à nossa população. Por isso, esse debate nasce com objetivos pontuais que precisam ser analisados com muita responsabilidade. 

O deputado acrescentou ainda que já tem um planejamento estratégico desenvolvido para a construção do relatório. “Precisamos dialogar com a sociedade. Vamos conversar com todos os setores envolvidos, como o governo, as entidades de classe, o terceiro setor, os técnicos da Câmara e, principalmente, os líderes dos partidos”.

222

Gil Cutrim acredita na derrubada de vetos ao projeto que tornou obrigatório uso de máscaras22

  • 19 de agosto de 2020
  • 0

Do Jornal Pequeno O deputado federal Gil Cutrim (PDT-MA), relator do projeto que tornou obrigatório o uso de máscaras, acredita que o Congresso vai derrubar os 22 vetos de Bolsonaro à proposta. Esse é um dos itens da pauta da Sessão Conjunta virtual do Congresso Nacional de hoje. “No auge da pandemia que castiga o Brasil, desobrigar o uso de máscaras é indignante, pois retira um dos principais mecanismos de prevenção a disseminação do coronavírus.  Chegamos a 108 mil mortos e é urgente frear esse crescimento”, avaliou Cutrim. “Precisamos derrubar o veto que será analisado na sessão do Congresso nesta quarta-feira”, reforçou o parlamentar maranhense. “Fui relator do PL 1562/20, transformado na Lei 14019/20 que obriga o uso de máscara. Todo o trabalho realizado foi fundamental para o enfrentamento da Covid-19 e, principalmente, para salvar e preservar vidas”, completou. Para que um veto do presidente seja derrubado é necessário o apoio mínimo de 257 votos na Câmara e 41 no Senado. Se os deputados decidem pela manutenção de um veto, a decisão é final, ou seja, a análise nem chega ao Senado. O mesmo ocorre quando os senadores mantêm um veto ao projeto iniciado na Casa. Nesse caso, a Câmara não se pronuncia.222